Carregando site...

Blog

Siga a Agrimec

Agrimec: 50 anos de perseverança, empreendedorismo e criatividade. 

O conceito de destruição criativa, popularizado pelo economista austríaco Joseph Schumpeter, é, em síntese, muito objetivo: o capitalismo destrói aquelas empresas não criativas e não competitivas. Para a Agrimec, essa lição veio muito cedo. Seu primeiro produto, a Rotacarp, uma capinadeira rotativa de lâminas helicoidais para culturas plantadas em linha, ficou praticamente obsoleto quando um substituto quase invisível surgiu para fazer o mesmo serviço de uma forma mais rápida, barata e eficaz: a Rotacarp saía de campo para dar lugar ao herbicida. 

A lição foi agridoce. De um lado, o dissabor de vivenciar uma derrota logo no início da jornada. De outro, a possibilidade de buscar outras saídas para a sobrevivência da empresa. Agora, era uma corrida contra o tempo para fazer funcionar, sem parar, a locomotiva da criação. Criar para sobreviver; criar para prosperar. 

Ainda nos anos 70, a Agrimec já começava a atingir novos mercados. Anos depois, um em especial foi terreno fértil para as novas soluções da empresa. Sob o comando de Odilo Pedro Marion, um jovem administrador e professor universitário, mas também ex-mecânico e taxista, o mercado de arroz irrigado foi a saída, ou melhor, o caminho para um novo começo.

A Agrimec não só especializou-se, como tornou-se a maior fabricante de implementos para esse segmento na América Latina. A partir daí, não parou de crescer mais. A pequena fábrica fundada em 1974 tornou-se um grupo formado por quatro empresas do segmento metal mecânico. No ano de seu cinquentenário, 37 países já tinham produtos da Agrimec operando em seus solos. 

Durante sua história, muitos foram os momentos em que a empresa enfrentou a volatilidade econômica e de tantos fatores externos e incontroláveis. Porém, foram esses cenários instáveis e imprevisíveis que forjaram a marca a desenvolver produtos pioneiros e inovadores. 

Chegar ao cinquentenário é um marco de perseverança e resiliência, mas também de crescimento tecnológico e intelectual. A Agrimec celebra o empreendedorismo, a criatividade e a inovação, mas, acima de tudo, preserva com seriedade a relação mútua entre empresa e cliente, onde a confiança na marca é um indicativo da qualidade do que se entrega. E quando cliente e empresa compreendem seus valores e estabelecem uma verdadeira relação de confiança, um conceito torna-se somente um conceito.

Data: 27/05/2024