Responsável pelo segmento de Relações Internacionais na Agrimec comenta rodada de negócios do Sebrae/RS, fala sobre o cenário do Brasil na produção agrícola mundial e, especialmente, sobre a postura da Agrimec nesse contexto.

O acesso do produtor gaúcho ao crédito rural para a safra 2013 garantiu o recorde de vendas nesta Expodireto, segundo as últimas notícias divulgadas pela mídia. O número de negócios na feira foi de 2 bilhões, 521 milhões e 148 mil . A marca representa 128% a mais do que no ano passado.

O público presente ficou em 20% a mais que o ano passado. Isso representou um fluxo de 223 mil e 400 pessoas. Foram 481 expositores, 3% a mais do que nos outros anos. O administrador Enrique Salazar, responsável pelo setor de exportação da Agrimec destacou as Rodadas de Negócios nacional e internacional do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul (SEBRAE/RS).

Elas foram realizadas nos dias 05, 06 e 07 de março, reunindo grandes compradores de diversos países da América Latina. Em encontros previamente agendados, a Agrimec negociou seus produtos e serviços, além de prospectar novas parcerias.

Salazar contou que a experiência foi, como sempre é, promissora. “Os eventos são a melhor vitrine para dizer ao mundo quem é o Brasil em tecnologia e nós fazemos parte disto. O administrador comenta que a Agricultura no Brasil já é vista hoje como a semente que pode transformar o país e levá-lo a uma condição de incontestável respeito. “Isso, na realidade, já vem acontecendo, e, no que diz respeito ao mercado internacional, o Brasil está e vai, cada vez mais fortemente, assumir este destacado papel que lhe cabe na economia mundial”, diz ele.

Segundo a FAO, Organização das Nações Unidas para Agricultura e a Alimentação, até o ano de 2050, a humanidade terá cerca de 9 bilhões de habitantes, o que aumentará a demanda por alimentos. Além do aumento da população mundial, a melhora no nível de renda das pessoas também será um fator preponderante nessa crescente demanda.

Um dos grandes desafios do atual agronegócio é desenvolver produção agrícola capaz de atender a todas essas exigências e manter um bom nível de quantidade  e qualidade na produção de alimentos para atender a crescente demanda. “O nosso papel nesse contexto é extremamente importante. Estamos falando de desenvolvimento de tecnologia, de qualidade, eficiência e eficácia e é disso que também preciso tratar nas rodadas de negócios e em todas as visitas que faço para confirmar a credibilidade da marca Agrimec”.

Salazar revela que a experiência o leva para um fator primordial diante de toda e qualquer relação, a análise. “O intercâmbio de conhecimento e experiências denota esse processo”, resume. O administrador conta que para o networking nas rodadas do SEBRAE, privilegiou entrevistas com empresas da Angola, Colômbia, Moçambique, Peru e Chile. Para cada país e para cada empresa, o analista apresenta argumentos. “Os distribuidores, entre os nossos públicos de interesse são dos mais importantes. A feira nos proporciona contato, mas o estreitar de laços é uma constante presente na nossa rotina de trabalho”.

O responsável pelo segmento de relações internacionais destaca que a Agrimec possui 67 modelos de implementos e o crescimento e aperfeiçoamento é constante. As rodadas, visitas e contatos regulares oportunizam o diagnóstico das necessidades da ponta da cadeia que mais interessa à empresa, o homem do campo. “Prestígio, credibilidade e imagem são fundamentais e no nosso caso vêm dessa investigação constante. Nós trabalhamos diariamente em prol daquilo que o produtor precisa e o nosso diálogo com distribuidores, enquanto potenciais facilitadores nessa relação em prol da funcionalidade e alta produtividade, é pensando nesse público”.

Fica o exemplo! Nas próximas matérias ainda trataremos um pouco mais da Expodireto Cotrijal 2013.

Mais – A Expodireto Cotrijal do próximo ano já tem data marcada: será realizada entre os dias 10 a 14 de março de 2014.

 

Liana Merladete / Dois Agência de Conteúdo
Assessoria de Imprensa do Grupo AGRIMEC
imprensa@agrimec.com.br / 55 3222-7710