O consumo mundial de biocombustíveis sofreu retração durante a crise mundial de 2008. A queda dos investimentos no setor e o aumento das cotações das commodities tornou o preço do álcool combustível pouco competitivo no mercado internacional. Porém, há sinais de mudanças no mercado. A Royal Dutch Shell PLC anuncia parceria com a empresa brasileira do setor canavieiro Cosan. A formação da joint-venture prevê um investimento de R$ 12 bilhões no segmento. Segundo o jornal estadunidense The Wall Street Journal, a produção mundial de etanol cresceu de 16 bilhões de litros em 2000 para mais de 100 bilhões de litros ano passado, fato que comprova a capacidade de crescimento do setor.

Fonte: Portal Notícias Agrícolas

Assessoria de Imprensa Grupo AGRIMEC
Dois Agência de Conteúdo
Pesquisa: João A.M. Filho
joao@doisac.com / (55) 3027 3647

.