No último domingo, dia 02, terminou a 41ª edição da Expointer, em Esteio/RS, com balanço positivo em relação a 2017.

No total, a feira alcançou 2,3 bilhões de reais, um aumento de 13% no comparativo com a edição anterior.

A venda de máquinas e implementos agrícolas e também os produtos da agricultura familiar foram os setores da feira que tiveram os melhores rendimentos.

Por outro lado, a comercialização de animais, que já vinha em queda desde outras edições, encerrou mais um ano com percentuais negativos.

Responsável por mais de 99% dos valores movimentados, as máquinas e os implementos agrícolas tiveram um incremento de 19% de um ano para o outro nos negócios fechados e totalizaram 2,28 bilhões de reais.

A expectativa de uma nova safra recorde de grãos no Rio Grande do Sul e a valorização das commodities agrícolas foram fatores que impactaram positivamente os resultados.

Ao todo, 370.581 pessoas circularam pela feira.

 

Fontes: Diário de Canoas, Zero Hora e Site da Expointer.