Os resultados parciais apresentados pelo Governo do Estado neste domingo (4), no Centro de Imprensa do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, revelam que a 34ª edição da Expointer superou desconfianças e confirmou o bom andamento dos negócios. Agricultura familiar, artesanato e pequenos comerciantes celebraram a evolução dos negócios em relação à edição anterior. Para o próximo ano, melhorias na drenagem, no acesso ao Parque e a ampliação dos pavilhões devem entrar na pauta.

Acompanhados de representantes de entidades do setor, os secretários de Agricultura, Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, e de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Ivar Pavan, elogiaram as medidas de estímulo à agricultura familiar anunciadas durante a exposição. Este ano, as vendas de produtos artesanais superaram 2010 – que registrou R$ 1,05 milhão – e somaram R$ 1,25 milhão. A agroindústria aumentou em mais de 20% a comercialização de itens no evento, com R$ 1,05 milhão. No ano anterior, o setor vendeu R$ 800 mil.

Entusiasmado com os resultados da feira, Pavan destacou o ambiente “agradável da Expointer” e disse que o evento superou expectativas. “Isso se manifestou nas afirmações unânimes da importância da agricultura familiar para o desenvolvimento econômico do Estado”, garantiu. Pavan salientou a adesão do Governo do Estado ao Sistema Único de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa), que permitiu que a organização do setor, e a isenção do ICMS da merenda escolar.

Ao considerar uma “grande Expointer”, Mainardi disse que os resultados obtidos este ano produzem otimismo ao agronegócio gaúcho. O secretário frisou o clima de cordialidade e diálogo que predominou entre os expositores na Feira. “Não encontramos nenhum segmento econômico aqui dentro reclamando, chorando, lamentando, dizendo que não tem futuro”, observou, acrescentando que o setor arrozeiro superou uma das crises mais sérias dos últimos tempos e reforçou a crença no futuro da orizicultura.

Mainardi reconheceu, no entanto, que três questões devem nortear a pauta da administração da Expointer para melhorias no Parque: drenagem, acesso e ampliação dos pavilhões. O assunto será tratado pelo governador, com o Governo Federal, e com o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Filho. “Vamos iniciar um conjunto de obras já previstas como, por exemplo, as de drenagem. Assim que nós encaminharmos o processo licitatório”, disse, salientando ainda o bom relacionamento com a União.

Fonte: http://www.expointer.rs.gov.br/




.