5 dicas espetaculares para aumentar a produtividade em sua lavoura de soja de forma impressionante.

A agricultura é um dos setores da economia que mais se desenvolveu no país nos últimos anos. Mesmo em períodos de crise, nos quais a indústria e o comércio diminuem o ritmo, os produtores rurais continuaram exportando e produzindo em alta escala, garantindo bons resultados para o país como um todo.

Entre as culturas mais produtivas, encontra-se a soja, que atualmente corresponde a cerca de 50% de toda a área plantada voltada ao cultivo de grãos. O grão, que é altamente nutritivo, tem conquistado um mercado cada vez maior no Brasil e mundo afora. A soja é voltada tanto para consumo humano, quanto para a fabricação de rações para outros animais.

implementos_agricolas_a

 

Cultivada principalmente nas regiões Sul e Centro-Oeste, a soja vem acumulando resultados positivos e tem sido uma das responsáveis do equilíbrio da balança comercial. Especialistas afirmam, que o plantio de soja tem se tornado cada vez mais produtivo nas últimas décadas. Este crescimento acentuado é fruto do trabalho intenso dos produtores, da disseminação de conhecimentos a respeito do cultivo e claro, do acesso às novas tecnologias.

Mas será que é possível conquistar resultados ainda melhores? Dados do Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária e estudos feitos por empresas privadas e engenheiros agrônomos dizem que sim.

Reunimos as principais informações e levantamos 5 dicas espetaculares para aumentar a produtividade em sua lavoura de soja de forma impressionante. Preste atenção em cada uma delas, coloque em prática o mais breve possível e conquiste resultados nunca antes alcançados.

1. Contrate um profissional para analisar o solo

implementos_agricolas_b

A soja é um cultivo impressionante, que apesar de preferir temperaturas mais estáveis, que fiquem de preferência entre 20 e 35 graus, acaba se adaptando bem nos diferentes tipos climas.  Este é um ponto extremamente positivo, já que as condições climáticas não podem ser controladas.

Mas apesar disso, com o solo não é a mesma coisa. Ele precisa ser muito bem cuidado para que a produção seja satisfatória e traga bons resultados. De forma geral, a soja não precisa de condições muito específicas, mas quanto mais nutritivo for o solo, melhor será o resultado da produção. E o segredo para um bom solo, é prepará-lo com total atenção, antes do plantio.

O primeiro passo é fazer uma análise minuciosa da região onde se deseja plantar. Para que o estudo seja realmente completo, o ideal é investir na contratação de um engenheiro agrônomo experiente e reconhecido. Errar neste estágio poderá comprometer toda a produção e trazer grandes prejuízos, por isso não vale a pena economizar.

A boa análise da terra permite que o solo seja tratado com os nutrientes que lhe faltam e indicam qual é a melhor forma de produção. Terrenos que apresentam altos índices de erosão, por exemplo, jamais poderão receber uma agricultura de precisão.

 

2.Plante as culturas que fornecerão o necessário

Em terras mais saudáveis, a agricultura de precisão é perfeita, mas para isso é preciso saber qual é a característica de cada uma das áreas voltadas para o plantio. Onde há deficiência de certo nutriente, devem-se plantar culturas que alimentam o solo e o preparam para o recebimento de soja.

Entre as plantas mais indicadas para a rotação, indica-se a cevada, o milho, a aveia e até o trigo. O nabo também é uma excelente opção, principalmente para solos que apresentam níveis muito baixos de nitrogênio. Além disso, a planta ainda é capaz de descompactar o solo e possibilitar um crescimento mais acentuado da soja no futuro.

Tenha sempre em mente que a monocultura traz desequilíbrio para o solo e ainda proporciona o aparecimento de nematoides. A plantação de outras culturas, quando feitas de acordo com as necessidades do solo, pode aumentar a produtividade da soja em até 30%.

 

3. Não economize com sementes

implementos_agricolas_c

Ainda há quem acredite que a qualidade das sementes não influencia na produtividade. Mas este é um mito que precisa ser derrubado para que o máximo em produção seja alcançado na soja.

As sementes que são tratadas de forma mais caseira, isto é, na própria fazenda, jamais alcançarão o mesmo nível de qualidade das que foram preparadas de forma industrial. Portanto, procure fornecedores de sementes maiores e que possibilitem esta opção.

Além disso, todo o cuidado é pouco na hora da escolha do fornecedor. Infelizmente, é comum encontrarmos sementes chamadas de piratas no mercado, que com baixa qualidade, podem afetar a produção inteira de uma fazenda.

Ou seja, nada de economizar com as sementes. Elas são o insumo mais importante de todo o cultivo e as principais responsáveis por oferecer bons ou maus resultados. Em caso de dúvidas, busque a ajuda de um consultor, que poderá indicar qual o tipo de semente ideal para seu solo, quantidade e até aferir a qualidade do produto.

 

4. Faça um bom manejo de pragas

implementos_agricolas_d

Durante todo o período de produção, diferentes insetos e pragas podem afetar o resultado final do plantio. Por isso é preciso saber identificar quais são os animais que podem trazer malefícios e quais podem ser considerados como verdadeiros amigos da plantação.

A quantidade e o tipo de inseticida devem ser escolhidos com cuidado, para que não seja tão fraco a ponto de não matar e ainda fortalecer as pragas, ou tão forte a ponto de afastar ou acabar também com os insetos que podem ajudar na produtividade da soja.

Quando o tipo e a quantidade de inseticida é aplicado de forma correta, basta somente uma pulverização para garantir o sucesso de toda a colheita. Mas para isso, além do produto em si, é preciso ainda analisar as condições climáticas, o vento e até a temperatura para saber qual é o dia e a hora ideais para fazer a aplicação.

5.Invista em tecnologias e conhecimentos

O mercado agrícola está em constante atualização. A cada ano, surgem novas tecnologias voltadas para o tratamento do solo, das pragas e até da colheita, garantindo uma melhor produtividade e aproveitamento.

Por isso, estar por dentro de todas as novidades é uma das melhores formas de garantir o máximo em produtividade para cada área plantada. A soja é um bem precioso e pode garantir lucros extraordinários, mas para ficar à frente da concorrência e oferecer qualidade e quantidade, é preciso manter-se atento.

Pode comparar. Quanto mais os agricultores investem em conhecimento, na qualidade das sementes, na rotatividade de culturas e em tecnologias de ponta, mais produtividade e lucros são capazes de conquistar.

Em caso de dúvidas, procure sempre um consultor e garanta boas práticas em todas as fases. Com estas dicas e muita dedicação, é possível conquistar o máximo de produtividade na soja.

 

 

 

Quer receber nossos conteúdos por email? Cadastre-se abaixo:

Enviar Por favor, preencha o campo nome. Por favor, preencha o campo email. Email, inválido tente novamente.
-->

Deixe um comentário

Seu email está mantido privado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*
*

Você pode usar tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>